Animais carnívoros

Você está aqui:
O tigre, assim como muitos outros carnívoros, é um grande predador
O tigre, assim como muitos outros carnívoros, é um grande predador

Curtidas

0

Compartilhe:
Por Helivania Sardinha dos Santos

Os animais são seres que diferem bastante em seus hábitos alimentares. De acordo com o tipo de alimentação, eles podem ser classificados de diversas formas, como herbívoros (plantas), necrófagos (animais mortos), entre outros.

Os animais carnívoros são aqueles cuja dieta baseia-se principal ou inteiramente no consumo de outros animais. Estão distribuídos nos diversos grupos de animais, podendo ser encontrados tanto entre os vertebrados quanto em invertebrados. São exemplos de animais carnívoros: gatos, ursos, lobos, falcões, cobras, tubarões, louva-deus, algumas moscas, entre outros.

Eles podem apresentar algumas adaptações morfológicas que os auxiliam na obtenção do alimento, como:

  • Mamíferos: caninos bem desenvolvidos para perfurar e rasgar a carne das presas, presença de garras;

  • Aves: possuem garras curvas e afiadas e bicos afiados;

  • Insetos: possuem pernas anteriores crescidas para agarrar o alimento, entre outras.

O louva-deus é um exemplo de inseto carnívoro. Apresenta as patas dianteiras maiores para agarrar o alimento
O louva-deus é um exemplo de inseto carnívoro. Apresenta as patas dianteiras maiores para agarrar o alimento

Muitos animais carnívoros são predadores, e os mamíferos da ordem Carnivora são os principais predadores do grupo de vertebrados do ecossistema terrestre. Embora muitos predadores cacem em bandos, como os leões, alguns acabam tendo um hábito de vida solitário, pois caçam melhor de maneira isolada, como falcões, cobras e alguns insetos. Assim, só se unem a outro indivíduo para a reprodução.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O falcão-peregrino é um exemplo de caçador solitário. Ele caça suas presas, geralmente outras aves, durante o voo
O falcão-peregrino é um exemplo de caçador solitário. Ele caça suas presas, geralmente outras aves, durante o voo

Muitos animais carnívoros, especialmente felinos, têm se tornado vítimas de uma caça predatória. Tem havido um declínio na população de muitas espécies, seja por “esporte” — simplesmente para que as pessoas exibam suas carcaças como troféus —, seja por causarem medo na população, além de serem considerados por muitos um perigo aos animais de criação, o que representaria um prejuízo às populações rurais.

Atualmente órgãos como o Ibama e organizações não governamentais têm desenvolvido um trabalho de conscientização da população para a preservação desses animais. A queda na população dessas espécies alteraria as teias tróficas, podendo afetar todo o ecossistema.


Por Ma. Helivania Sardinha dos Santos

Curtidas

0

Compartilhe: