Sistema articular

Você está aqui:
O sistema articular reúne as articulações do nosso corpo, que podem ser classificadas em fibrosas, cartilaginosas e sinoviais.

O sistema articular é formado pelas articulações ou junturas. Essas estruturas podem ser definidas como o local de conexão existente entre dois ou mais ossos. As articulações, garantem, portanto, a união e a movimentação dos ossos, permitindo que nosso esqueleto permaneça estável independentemente da atividade que realizamos.
 

Classificação das articulações

As articulações podem ser classificadas utilizando vários critérios. Uma dessas classificações utiliza como critério o material encontrado entre as peças ósseas e separa as articulações em: fibrosas, cartilaginosas e sinoviais.


⇒ Fibrosas: apresentam entre as peças que se articulam tecido conjuntivo fibroso. Elas podem ser classificadas em suturas, sindesmoses e gonfoses.

- Suturas: Essas articulações são típicas do crânio. Logo após o nascimento, percebe-se uma grande quantidade de tecido conjuntivo fibroso entre os ossos do crânio. Com o desenvolvimento, ocorre a calcificação desse tecido. Essa é uma articulação, portanto, imóvel.

- Sindesmoses: Nessas articulações, há um pouco de movimento. Pode ser observada na articulação tibiofibular inferior.

- Gonfoses: Essa articulação é aquela encontrada entre a raiz do dente e o alvéolo. Alguns autores não a consideram uma articulação, uma vez que o dente não faz parte do esqueleto.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


⇒ Cartilaginosas: Nesse caso, o tecido encontrado entre as peças ósseas é o cartilaginoso.

- Sincondroses: Nessas articulações, as peças ósseas são unidas por cartilagem hialina, e seus movimentos são limitados. Como exemplo desse tipo de articulação, podemos citar aquela presente entre a primeira costela e o osso esterno.

- Sínfises: Nessas articulações, encontramos cartilagem fibrosa. A mobilidade nessa articulação também é reduzida. As sínfises podem ser observadas nos ossos do quadril, os quais formam a sínfise púbica.


⇒ Sinoviais: Essas articulações apresentam como principal característica a capacidade de movimentação. Nelas é observada uma cápsula que liga as extremidades dos ossos e delimita a cavidade articular, que é cheia de líquido. Esse líquido é denominado de líquido sinovial e possui uma grande quantidade de ácido hialurônico, o qual ajuda a lubrificar as superfícies da articulação.

As articulações sinoviais são observadas na união entre ossos longos. A articulação do joelho é um exemplo desse tipo de articulação.

As articulações garantem a movimentação e a união dos ossos
As articulações garantem a movimentação e a união dos ossos
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Curtidas

0

Compartilhe:
Artigos Relacionados