Diferença entre Biologia e Ciências (da escola ao mercado de trabalho)

Você está aqui:

Apesar de compartilharem suas semelhanças, as áreas de Biologia e Ciências são bem diferentes. Por isso, seja a disciplina, seja a carreira, é importante ter em mente o que faz delas duas áreas distintas.

Para ajudar você a entender as diferenças entre Biologia e Ciências, reunimos algumas delas a seguir e, ao final, damos dicas de como montar um currículo para encontrar uma oportunidade de trabalho em uma dessas áreas. Vamos lá?!

Biologia x Ciências: diferenças de cada disciplina

Antes de mais nada, é importante pontuar as diferenças entre Ciências e Biologia do ponto de vista de cada disciplina.

Ciências

Desde muito cedo, ainda no ensino fundamental, os estudantes deparam-se com a matéria "Ciências" na grade de aulas.

No decorrer do ano letivo, os professores responsáveis por essa disciplina abordam o estudo de tudo aquilo que pode ser tocado, medido, reproduzido, explicado ou investigado. Ficou confuso? Bem, em outras palavras, na disciplina de Ciências, há o estudo dos seres vivos, mas também do ar, da água, de fenômenos químicos, luz, velocidade e tudo aquilo que compreende o planeta, dentro e fora.

Por ser uma área que estuda muitos elementos, na escola ela costuma ser mais introdutória, o suficiente para que os estudantes entendam os seus princípios mais básicos. Mais tarde, da faculdade em diante, ela costuma ser subdividida. É por isso que existem matérias como as Ciências Biológicas, Ciências Humanas, Ciências da Saúde, entre outras.

Biologia

Assim como a disciplina de Ciências, Biologia também é um campo bastante vasto e que compreende um grande universo de assuntos. Contudo, tudo aqui é direcionado e está, obrigatoriamente, ligado à vida e aos organismos vivos.

Tanto é que quando falamos de Ciências Biológicas e Biologia, estamos falando da mesma coisa, pois são duas disciplinas que estudam os mesmos elementos – tudo aquilo que possui vida.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Biologia x Ciências: diferenças de cada curso superior

Sabendo as diferenças de cada disciplina, é hora de entender um pouco mais o que difere Ciências e Biologia ao chegar ao curso superior.

Ciências

Como foi dito, na escola, mais especificamente no período que compreende o ensino fundamental, os alunos (crianças e adolescentes) têm aula de Ciências com o objetivo de aprender os conceitos básicos.

No ensino superior, não há um curso específico de Ciências, pois, nessa etapa, a disciplina precisa subdividir-se de acordo com a área de interesse dos estudantes. Sendo assim, é possível estudar desde Ciência da Computação até Ciências Contábeis, Ciência Política, etc.

Biologia

No curso superior, Biologia costuma ser chamada de Ciências Biológicas, curso que, como já foi dito, aborda o estudo das plantas, animais e todos os seres vivos. Estudantes que optam por estudar Ciências Biológicas devem saber que esse curso superior dura, em média, quatro anos e pode ser feito com habilitação para bacharelado e licenciatura.

Não sabe o que isso significa? Bem, em linhas gerais, os cursos de bacharelado permitem que o estudante, após a conclusão dos estudos, siga na carreira de pesquisador ou atue como um biólogo. Por outro lado, a licenciatura habilita o estudante a atuar, em geral, como professor de Biologia ou Ciências.

Biologia x Ciências: diferenças no mercado de trabalho

Seja qual for o curso escolhido, ambas as carreiras oferecem inúmeras boas oportunidades para aqueles profissionais que sabem se vender. Por isso, agora é hora de ajudar você nessa missão.

Veja a seguir algumas dicas de como caprichar em seu currículo, seja ele focado para as variadas áreas das Ciências, seja para Biologia. Acesse também o modelo de currículo online que vai facilitar a sua vida na busca pelo emprego ideal.

Informações com objetividade

Nem sempre o recrutador responsável por selecionar o seu currículo de Ciências ou Biologia entende o assunto. Portanto, é melhor deixar os termos muito técnicos de lado e focar na objetividade.

Cuidado com erros de gramática

Está candidatando-se para a vaga de professor? É melhor não cometer erros gramaticais, pois eles, certamente, não vão pegar bem. Após terminar de redigir o seu currículo, revise, com muito cuidado, palavra por palavra e corrija eventuais erros de gramática.

Um objetivo por currículo

Por mais que a área de estudos escolhida possibilite a candidatura para diferentes vagas, é importante que você escolha um único objetivo por currículo. Tenha mais de um modelo pronto para usar sempre que surgir a chance, mas não inclua, em nenhuma hipótese, duas ou três vagas pretendidas, isso pode soar como falta de foco.

Gostou das dicas? Para facilitar ainda mais o seu trabalho na busca pela vaga almejada, acesse um currículo online pronto para preencher e comece hoje mesmo a distribuir aos recrutadores.

Por Biologia Net

Curtidas

0

Compartilhe:
Artigos Relacionados